Carteiras de habilitação apreendidas batem recorde no feriadão

Foram 43 carteiras de habilitação apreendidas por dia durante o feriado da Independência. Na Semana Santa, a média foi de 25,8

Foram 43 carteiras de habilitação apreendidas por dia durante o feriado da Independência. Na Semana Santa, a média foi de 25,8

A média de carteiras nacionais de habilitação (CNH) apreendidas por embriaguez ao volante bateu o recorde de 2012 nas rodovias estaduais, no feriado da Independência. Por dia, foram 43 documentos recolhidos, o que dá o total de 129 habilitações nos três dias de operação.

Durante a Semana Santa, que liderava as estatísticas, foram 25,8 documentos apreendidos diariamente e 129 no total. Assim, o número de apreensões por dia cresceu 66,7%.

A maioria dos motoristas (122) recusou-se a fazer o teste do bafômetro. Porém, por apresentarem sintomas de embriaguez, foram notificados, tiveram a CNH apreendida e o veículo retido. Outros sete motoristas foram presos após o teste do bafômetro detectar uma concentração de álcool maior do que 0,33 mg/l. Já na Semana Santa, foram 113 motoristas notificados e 13 presos.

Na avaliação do comandante da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), coronel Túlio Studart, há um crescente descumprimento da chamada Lei Seca pelos motoristas por não serem obrigados a fazer o teste do bafômetro. “Hoje é complicado você comprovar o crime. Isso fragiliza a lei e gera impunidade”, diz o coronel.

Atualmente, o motorista só poderá ser preso se for comprovada a alcoolemia pelo bafômetro ou por exames de sangue. Para o comandante da PRE, o aumentos nas apreensões de CNH reflete o maior rigor nas fiscalizações das rodovias estaduais.

Já nas rodovias federais, o cenário é oposto. No último feriado, foram realizados 358 testes de etilômetro (bafômetro), com 21 autos de infração e três prisões. Já na Semana Santa, os índices mostram que foram feitos 1.465 testes de etilômetro, com 34 autuações e 13 prisões.

Túlio Studart avalia que é preciso aumentar o rigor no combate à embriaguez no trânsito. Como exemplo, ele cita mudanças na Lei Seca, que estão em discussão no Congresso Nacional. Neste caso, poderão ser utilizadas a prova testemunhal, filmagens dos motoristas e avaliação clínica para comprovar que o motorista está alcoolizado.

 

Acidentes

Nas rodovias federais e estaduais do Ceará, houve uma redução de 24,4% no número total de acidentes entre os dois feriadões de 2012, caindo de 131 acidentes na Semana Santa para 99 acidentes no feriado da Independência. Porém, o número de mortes não caiu no mesmo ritmo – de 15 para 13 óbitos (queda de 13,3%). Isso mostra que os acidentes foram mais violentos no último feriado.

 

ENTENDA A NOTÍCIA

O número de carteiras nacionais de habilitação (CNH) apreendidas por dia nas rodovias estaduais durante o feriadão da Independência cresceu 66,7% em relação ao da Semana Santa. Foram 43 documentos recolhidos por dia e 129 durante toda a operação

 

Números

43

Foi o número de habilitações apreendidas, diariamente, durante o feriado da Independência.

25,8

Foi a quantidade de carteiras de motoristas recolhidas, por dia, durante a Semana Santa.

Saiba mais 

Plantão no IJF

Os acidentes com motociclistas lideraram as estatísticas de vítimas de trânsito atendidas no Instituto Doutor José Frota (IJF). Foram 113 motociclistas atendidos (67,7% do total) entre as 7 horas de sexta-feira (7) e às 7 horas de ontem (10). Foram registradas outras 27 vítimas de colisões e 25 de atropelamentos, uma quedade carro em movimento e um abalroamento. O número de acidentados de trânsito foi de 167 pessoas.

Um dado que chama a atenção é o do número de vítima por arma de fogo ser superior ao registrado na Semana Santa, que costuma ser o feriado mais violento. Foram 32 atendimentos no feriado da Independência, contra 31 na Semana Santa.

Já o número de feridos por armas brancas foi o mesmo nos dois feriados: 31 vítimas. Os dados da Semana Santa foram registrados durante cinco dias e os da Independência, em três dias.

O número de agressões físicas caiu, passando de 46 para 30 atendimentos. No total, o IJF recebeu 637 pacientes durante o feriadão.

O POVO entrou em contato com o chefe da emergência do IJF, mas as ligações não foram atendidas.

 

Fonte: OpovoOnline

Mostre mais

Berg Pinheiro

Cearense nascido em Senado Pompeu no Ceará em 1988,foi radialista atualmente editor do Site Ceará Noticia.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios