Milhã: Pro-Cidadania esta sem receber a dois meses, e totalmente abandonado pela administração.

A dois meses os agentes do Pro-cidadania de Milhã cidade do interior do estado do Ceará que fica a 300 km de Fortaleza estão sem receber seus salários e totalmente abandonados pela administração do município.

Foto do curso de formação dos agentes/Foto: Berg Pinheiro

Depois de passado as eleições a administração tem feito cortes de pessoal, e também vem atrasando os funcionários públicos do município  Não só os agentes do Pro-cidadania mas também vários outros setores da administração tiveram atraso nos salários  Sem dar se quer uma explicação a administração abandonou os agentes, pois nem o salario nem transporte e nem comida durante o serviço e dado aos agentes. Mesmo diante de todo esse descaso por parte da administração os agentes continuam trabalhando. Muitos moram na zona rural e como a prefeitura não da apoio nas refeições alguns tem que andar mais de 18 Km para ir fazer suas refeiçoes durante o dia de trabalho.

Como se não bastasse o atraso dos salários e a falta de alimentação os agentes não tem nem se quer um transporte para desenvolver seu trabalho. Algumas equipes usam seus transportes particulares para fazer ronda e as outras equipes fazem as rondas a pé. A falta de apoio tem sido durante quase toda a implantação do programa no município  A boa vontade e disposição dos agentes para fazer um bom trabalho e barrada pelas limitações imposta por parte tanto da administração como da policia Militar.

Um dos agentes do Pro-cidadania desabafa: ” Não temos apoio, quando precisamos da policia eles falam que a gente deve parar de procurar serviço”. Os agentes dia-a-dia cada vez mais perdem as esperanças, o pior ainda e que nao sabem a quem recorrer.

Veja abaixo o desabafo do Agente do Pro-cidadania LINDENBERG:

Mas poucos ou quase nenhum te coragem de expor nossa realidade. Trabalhamos ha mais de dois anos nessa cidade ariscando a propria vida para tentar levar a segurança para a população de Milhã infelizmente poucas pessoas valorizam nosso trabalho. Somos abandonados pela administração. E muito discriminado por parte do povo que não conhece nosso trabalho e obrigações. Não temos apoio suficiente da policia Militar pois a maioria deles não querem trabalhar aqui pelo nosso povo. A população precisa muito de segurança e infelizmente os profissionais que querem proporcionar-la não tem apoio algum. Trabalhamos sem condição alguma de trabalho. Falta transporte, Falta comida e Falta apoio por parte da policia Militar e da administração. Enfim estamos abandonados. Peço e confio que a próxima administração que vem ai valorize nosso trabalho. Que tem grande importância para o município. Nossos frutos são poucos mas não por que não queiramos mas sim pq não temos condições de trabalho.”

Essa é a situação atual do município de Milhã. Aguardamos e torcemos que a administração cumpra com sua obrigação com esses agentes que prestam um serviço importantíssimo para a população da cidade. Pois todos sabemos que o efetivo da policia no interior do estado e muito pequeno e o Pro-cidadania e de uma importância imensa.

Redação do Ceará Noticia

Comentários

Comentários

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios