Home / Ceará / Prefeituráveis focam propostas para a saúde em Fortaleza
Prefeituráveis focam propostas para a saúde em Fortaleza

Prefeituráveis focam propostas para a saúde em Fortaleza

Para reduzir gargalos da área, a maioria dos candidatos aposta no fortalecimento do PSF e na ampliação dos postos.

A saúde pública foi o tema mais comentado pelos dez candidatos a prefeito de Fortaleza nos programas eleitorais gratuitos exibido durante a última semana. Também ganharam repercussão significativa educação e mobilidade urbana. No tocante à educação, a implantação de escolas em tempo integral predomina. Para a saúde, a maioria dos pleiteantes aposta no fortalecimento do Programa Saúde da Família (PSF) e na ampliação dos postos de saúde.

Alguns candidatos propõem a construção de Unidades de Pronto Atendimento para melhorar a assistência em saúde na Capital FOTO: MARÍLIA CAMELO

Roberto Cláudio tem adotado um discurso de garantir o que já está conquistado e corrigir os erros, tendo o cuidado de dizer, por exemplo, que irá manter a tarifa de ônibus mais barata do Brasil. Para a saúde, ele garantiu a construção de, pelo menos, 11 Unidades de Pronto Atendimento (UPA). O governador Cid está marcando presença constante no programa de Roberto Cláudio, assim como Ciro Gomes.

Elmano de Freitas (PT) continua investindo na defesa das ações do governo Luizianne, com destaque para o Hospital da Mulher. Ele prometeu a construção de dez mil habitações, redução das áreas de risco, facilidades de compra da casa própria para famílias de baixa renda e regularização da situação de aproximadamente 30 mil moradias. Os padrinhos da campanha, Luizianne e Lula, estão aparecendo em todos os programas.

Construção

Já Heitor Férrer (PDT), que costumava dizer não ser apadrinhado, agora aparece ao lado da ex-ministra Marina Silva e está apostando no discurso voltado ao desenvolvimento sustentável. Ele apresentou o projeto Casa da Gente, que deverá ser responsável pela construção de 20 mil moradias.

Inácio Arruda (PCdoB) tem tocado constantemente na questão da saúde. Segundo ele, é preciso garantir atendimento adequado nos postos e fornecimento de medicamentos. Inácio também promete ampliar os Frotinhas e Gonzaguinhas.

Líder nas pesquisas de opção de voto, Moroni Torgan (DEM) tem ressaltado o seu favoritismo na Capital. Ele foca suas propostas principalmente no combate à violência e promete implantar a guarda comunitária com a instalação de vigilância eletrônica.

Marcos Cals (PSDB) tem priorizado o programa Ganha Tempo, que seria um shopping de serviços nos terminais e o projeto IPTU Zero para o Centro.

Renato Roseno (PSOL) está investindo na necessidade de fortalecer as políticas de juventude, promovendo acesso à tecnologia, esporte e cultura. André Ramos (PPL) promete investir 25% do orçamento em educação. Já Francisco Gonzaga (PSTU) tem criticado a situação da saúde no município. Enquanto isso, Valdeci Cunha (PRTB) promete a construção de quatro UPAs e ampliação de postos de saúde.

Fonte: Diário do Nordeste

Comentários

Comentários

Veja Também

982-

Onibus da empresa Guanabara e assaltado na Localidade de Parada Amil

Muitos roubos estão acontecendo a varias empresas de ônibus que passam na região de Senador ...

Deixe uma resposta