Desarticulada quadrilha envolvida em atentado contra Promotor de Justiça de Pedra Branca

Foto: Revista Central

Segundo a polícia, o homem responsável pelos tiros não foi preso, mas há mandado de prisão.

Foi realizada uma mega operação policial conjunta, com a finalidade de cumprir vários mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça da Comarca de Pedra Branca, no Sertão Central cearense, que resultou na prisão de cinco elementos, acusados de participarem de uma atuante quadrilha criminosa que chegou a atirar contra a residência de um Promotor de Justiça no mês de agosto.

A operação foi comandada pelo Tenente-Coronel Edmar dos Reis Cavalcante, juntamente com 28 policiais civis, dentre eles sete delegados, de Pedra Branca, Carlos Teófilo; de Senador Pompeu, Edilson; de Quixadá, George Monteiro; de Acopiara, Marciliano; de Tauá; Osmar; de Banabuiú, Rafael Vilarinho; e de Jaguaruana, Luciano Barreto, resultando na prisão em flagrante dos  elementos presos vários materiais apreendidos. A operação foi uma resposta contra o ato criminoso.

De acordo com a Polícia Militar, foram presos: Edivani Casemiro de Sousa, conhecido pelo pseudônimo “Dada”, 34 anos, é acusado de tráfico de drogas e porte de arma de fogo, residente no bairro Bom Princípio. Com este elemento foi apreendido uma pistola ponto 40, vários cartuchos, carregadores armas, dinheiro, aparelhos celulares, carregadores para aparelho celular; talões de cheques; 260 embalagens (plastinete) para supostamente armazenamento de cocaína; uma bala clava; lanterna; bainha para espingarda e um capacete preto.

O segundo acusado foi José Chaves Campelo, 61 anos, residente no sítio Santo Amaro, estava em seu poder uma espingarda calibre 36 e vai responder por porte de arma de fogo. O terceiro foi Antônio Marcelo Araújo de Oliveira, 27 anos, acusado de crime de tráfico de entorpecentes, mora no Centro, com este foi apreendido 68 gramas de cocaína; uma trouxa de cocaína, dinheiro, 21 gramas de crack.

Dando continuidade à operação foi preso Elicio Teixeira Santos, “vulgo Rogério”, 47 anos, acusado de tráfico de Tráfico de drogas, com ele foi apreendido maconha; cocaína; munições cal. 38 intactas; munição cal 22 intacta; uma motocicleta, dinheiro, e uma caixa de espoletas vazia. O quinto foi Claudino Araújo Pereira vulgo “Dourado”, 20 anos, por associação ao tráfico de drogas, morador do bairro Santa Úrsula.

Mais Informações:
Delegacia Civil de Pedra Branca

Rua Antônio Frutuoso Duarte, 185 – Centro
Contatos: (88) 3515-1599

Fonte: Revista Central

Comentários

Comentários

Mostre mais

Berg Pinheiro

Cearense nascido em Senado Pompeu no Ceará em 1988,foi radialista atualmente editor do Site Ceará Noticia.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios